Prefeitura de Viana é exemplo de gestão financeira em meio à crise nos municípios

Após iniciar mandato com contas do FPM (Fundo de Participação do Município), bloqueadas pelo MP, em razão de irregularidades deixadas pela gestão do antecessor, Magrado Barros, o prefeito de Viana, Carrinho Cidreira, se prepara para ingressar no último ano de seu mandato com uma gestão financeira exemplar.

Com a crise financeira que deixou as prefeituras brasileiras em graves dificuldades, alguns municípios do Maranhão deixaram de pagar em dia os salários dos funcionários e outros cortaram gratificações. Em Viana, a Prefeitura já atingiu, em julho, a marca de dois anos pagando os vencimentos, de forma antecipada. E sem promover demissões em massa. O município possui 887 funcionários concursados e 1.801 contratados.

Na semana passada, o prefeito lembrou em suas redes sociais, por ocasião do Dia do Servidor Público, que sua administração instituiu um Calendário de Pagamentos para o funcionalismo público, injetou mais de 12 milhões de reais em melhoria salarial aos profissionais da Educação, cumpriu o pagamento do Piso Salarial da Enfermagem e promoveu reajuste de 33,24% para educadores, em 2022. O impacto é direto na economia da cidade, com surgimentos de novos comércios e da Sala do Empreendedor do Sebrae-MA local, que recebeu ano passado o Selo Bronze de referência em atendimento de qualidade aos empreendedores locais, entre os 22 municípios, de um total de 65 aptos a receberem o reconhecimento.

Mesmo em meio aos cortes federais que atingiram as administrações municipais, a Prefeitura de Viana tem feito investimentos com recursos próprios em obras no município, com sobra para ações sociais que vem ocorrendo todos os anos, a exemplo da distribuição de pescados na Semana Santa, das festividades do Dia das Mães e de Dia das Crianças, com entrega de presentes.

“Uma administração séria, que cumpre seus compromissos, é um dos principais fatores de aquecimento da economia local. Municípios pequenos precisam do dinheiro circulando com o pagamento de servidores, efetivos, contratados, terceirizados e daqueles que alugam suas máquinas à Prefeitura. Nossa gestão tem compromisso com uma gestão financeira adequada porque disso depende a sobrevivência das pessoas e uma vida melhor para todos”, explica o prefeito Carrinho, que é economista de formação.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

YouTube Sotaque

Publicidade
Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade